Da infidelidade para a Fidelidade - Pr.Michel Plattiny

12-04-2013 14:25

                                                                                                      

 

Ser fiel é ser digno de confiança, constante, uma pessoa de quem podemos depender. A fidelidade é uma qualidade rara. “O homem fiel, quem o achará?” (Pv. 20:6). Isso se processa no mundo dos negócios, nos relacionamentos interpessoais, na família, na igreja, na vida pública.

Vamos trazer o tema da fidelidade para o plano espiritual, ou seja, a nossa relação com Deus. Devemos ser fiéis porque Deus é fiel (Sl. 33:4). Devemos ser fiéis porque isso torna a vida mais fácil. A infidelidade nos traz muitos problemas. (Pv. 25:19).

 

Todavia, às vezes estamos procurando fidelidade nos outros e nos esquecemos de olhar para a nossa própria realidade, talvez pela agitação e urgência do cotidiano, pelas histórias vividas.

Teve um sujeito na bíblia que por toda sua vida teve como virtude a fidelidade. Aonde quer que ele estivesse, independente das pessoas com quais ele estivesse convivendo ele era fiel as pessoas e a Deus. Ele é citado como um herói da fé porque sempre foi fiel a Deus, ele ficou conhecido como José do Egito.

José foi sempre fiel nos relacionamentos, nós também devemos ser.

José teve oportunidades assim como nós hoje temos de ser infiel, de praticar a infidelidade. Mas ele sempre optou pela fidelidade. 

 

Pra sermos fieis em nossos relacionamentos nós precisamos cumprir com nossa palavra. Não precisa Jurar, prometer, nada disso. Jesus disse: diga sim ou não e honre com sua palavra;

Coisas pequenas que a gente diz como: “vou depositar hoje” ou mesmo “te ligo amanhã”, ou “assim que chegar, lhe dou uma resposta”. Se você não for fiel nas coisas pequenas, quem vai garantir que será nas grandes?

José foi sempre fiel na vida moral, todos devemos ser.

 

Quando nós falamos de fidelidade moral, nós estamos falando de ser fieis a Deus com nosso corpo. Envolvendo sobretudo questões sexuais.

Pra vencermos as tentações em nossa vida moral o grande segredo é fugir e correr de toda oferta de prazer que corrompe;

José foi sempre fiel a Deus na sua vida financeira, aréa que também devemos ser fiéis a Deus.

 

“Poucas coisas testam mais profundamente a espiritualidade de uma pessoa do que a maneira como ela usa o dinheiro.” 

 

José revela fidelidade a Deus independente do alto cargo que foi posto, e também foi fiel com às finanças do Faraó;

 

Precisamos ser fieis a Deus com nossa vida financeira:

1. Disciplina financeira (alvo a ganhar e orçamento adequado e contas a pagar);

2. Uma boa administração das finanças (José era um mordomo - Administrador dos bens de uma casa ou de um estabelecimento alheio, assim somos nós)

3. Ser fiel a Deus com nossos dízimos 

Por fim José foi sempre fiel em meio a uma cultura corrompida e secular, nós também devemos ser fiéis em nossa geração.

 

O Egito sempre simbolizou na bíblia uma cultura mundana e lugar de escravidão de pecados;

José foi considerado um herói por ter uma fé que não se abalou frente a cultura de sua época:

Não cedeu a idolatria;

Casou-se com uma egípcia e não tomou pra si suas tradições;

Foi colocado em alta posição não por assimilar uma cultura ou fazer politicagem, mas por uma ter vida com Deus;

 

Ane Soal –Fidelidade é uma questão de decisão.”

Salmo 119.30 - Escolhi o caminho da fidelidade; decidi seguir as tuas ordenanças. 

Deixe a infidelidade e escolha ser fiel em tudo!!